Review do Sonic Forces

  Durante o aniversário do Sonic, em 23 de Junho de 2016, não houve o esperado anúncio de um novo game do ouriço. A SEGA preferiu deixar para revelar durante a Comic-Con de 2016, em 22 de Julho. E então, duas grandes surpresas: a primeira delas foi o game Sonic Mania (confira o review aqui). De início achou-se que este seria o game do aniversário do Sonic. Alguns desconfiaram por ser muito simplista e por haver uma segunda surpresa marcada na programação do evento. E a segunda surpresa foi nada mais nada menos que apenas e tão-somente esse vídeo abaixo:

  Com a promessa de um novo jogo do Sonic nos moldes do Colors e Generations com um toque “cataclísmico”, o “Project Sonic 2017” (como era chamado até então) veio com grandes promessas de reviver a mais recente alta da série Sonic, o que era um alívio, pois não veríamos nada do fiasco de 2014 sendo continuado. Com uma cara enorme de Sonic Generations 2, a Sonic Team fazia grande esforço para convencer que o jogo não seria um mero Generations 2, mas sim algo mais, e que o retorno da Green Hill e do Sonic clássico eram apenas como formas comemorativas, pois este era o jogo de 25 anos do ouriço.

  Conforme o tempo foi passando e mais informações foram sendo reveladas, mais fases do passado retornavam e a ideia do Generations 2 se consolidava, ainda mais depois da E3, onde mais um trailer do Sonic Forces foi revelado:

  Até que um dia, o grande diferencial foi revelado:

  Sim, um personagem totalmente customizável foi colocado no jogo. O sonho molhado da DevianArt se concretizava e a era dos fan chars nunca fora tão promissora.

  História precedente

  Sonic Forces teve algo inédito, parte da história que antecede o jogo foi revelada semanas antes do seu lançamento via comics digitais oficiais. Foram 4 partes, cada uma contando um pedaço do que aconteceu para chegar aonde o jogo começa e explica partes importantes da história que não são explicadas durante o jogo, como, o surgimento do Infinite, como o Knuckles se tornou o líder da resistência, o que aconteceu antes do episode Shadow, o que é o Phantom Ruby, etc, portanto, o correto é ler as comics antes de jogar o Sonic Forces.

  Não se sabe ao certo se isso foi uma jogada de marketing para promover a nova comic do Sonic que seria lançada em Abril de 2018 pela IDW, já que quem fez as comics do Forces são os mesmos que farão a comic da IDW, ou se foi pura propaganda, mas seja como for, fiquem com as versões que traduzimos:

Parte 1:


      

Parte 2:

      

Parte 3:

      

Parte 4:

      

  Enredo oficial

 “Em uma nova tentativa de dominação global, Dr. Eggman lança uma ofensiva em larga escala em um centro urbano. É um momento de desespero para os sobreviventes; toda a esperança fora perdida!

  Então, do nada surge o rosto heroico do ouriço supersônico mais rápido do mundo: Sonic, que acaba com as forças ameaçadoras na área. Mas o Dr. Eggman tem uma carta na manga.

  Sonic se vê frente a frente com uma tropa de inimigos bem mais fortes. Um deles carrega um poder misterioso que se prova forte demais para o nosso herói. Sonic é derrotado e capturado, sua situação atual é desconhecida.

  Sem alguém para pará-lo, é uma questão de poucos meses para que o Dr. Eggman conquiste todo o mundo, exceto uma pequena fração dele.

  Mesmo na ausência do Sonic, os sobreviventes não estavam prontos para se renderem! Uma resistência foi formada com os que restaram no mundo, tendo o Knuckles como seu comandante. Juntos com o seu mais novo recruta, eles estão prontos para fazer o que é necessário.

  O destino do mundo está em suas mãos.”

  O enredo oficial do jogo é propositalmente vago e não explica muita coisa. Isso é uma forma de forçar as pessoas a lerem as comics para saber tudo o que aconteceu antes do ataque do Dr. Eggman e de onde ele tirou o Phantom Ruby e o Infinite, a fonte de poder deles, e também como forma de promover o episode Shadow para que se entenda as reais motivações do Infinite. Já a forma como o Sonic clássico e o Phantom Ruby são introduzidos no jogo é explicado no Sonic Mania.

  Novidades

  Sonic Forces foi a primeira tentativa de solidificação da série Sonic em 3D em muitos anos. Pela primeira vez a Sonic Team disse que escolheria o estilo do “Uncolorations” para fazer um novo jogo do Sonic, o que indicaria que esse seria o futuro da série.

  Por ser um jogo comemorativo, novamente vimos a cara do Sonic clássico se unindo ao futuro e ao Sonic moderno para mais uma rodada de fases, mas, sem sombra de dúvidas, a grande novidade é o Custom Hero (Avatar), onde você pode criar o seu próprio personagem, dando a ele uma aparência única e habilidades próprias.

  Outra grande novidade do Forces é a Hedgehog Engine 2 que ficou em desenvolvimento por 2 anos. Essa nova engine gráfica fez com que o Sonic Forces acabasse tendo gráficos lindíssimos sem ser muito pesado.

  Cheio de cutscenes (inclusive durante as fases), diálogos via rádio durante e antes das fases, menus muito bem feitos, excelentes músicas e cenários deslumbrantes, a apresentação do jogo ficou muito bem feita. Algo digno da nova geração.

  O jogo conta com os 3 estilos de gameplay, igual era no Colors ou Generations. Então, o Sonic clássico fica com o 2D, enquanto que o Sonic moderno e o Avatar ficam no 2,5D e 3D.

  Como dito, a grande novidade aqui é o Avatar. Sua jogabilidade é baseada em Wispons e no Grappling Hook que ele usa para se agarrar nos objetos e fazer Homing Attacks. Criar seu próprio personagem sempre foi o sonho de muita gente (DevianArt que o diga), então, Takashi Iizuka decidiu colocar um personagem customizável para que os fãs pudessem se colocar no jogo e lutar ao lado do Sonic.

  Os Wisps estão de volta e dessa vez foram integrados ao Avatar, ou seja, é o personagem customizável quem usará o poder dos Wisps, enquanto que o Sonic moderno os usa apenas para recarregar a barra de Boost, bem como era em Sonic Colors.

  Algumas mudanças foram feitas em relação a dificuldade. O jogo não possui mais vidas nem continues, logo, você pode morrer quantas vezes quiser que você sempre voltará no último checkpoint que passou, claro que isso irá lhe custar pontos no final da fase. Sonic Forces possui seleção de dificuldades logo no começo, entre Normal e Hard. Caso jogue no Normal, os seus anéis servirão como uma barra de vida, onde você pode coletar no máximo 100 anéis e toda vez que for atingido você perderá 20 anéis ao invés de todos, porém, o seu Rank e o seu melhor tempo não serão gravados. Caso jogue no Hard, o jogo procederá da forma normal com os anéis e Ranks.

  Desta vez, o novo vilão em destaque, Infinte, usou o poder do Phantom Ruby para trazer vilões icônicos do passado para enfrentar o Sonic novamente. Então, o jogo conta com o retorno do Metal Sonic, Shadow, Chaos 0 e Zavok.

  O sistema de fases também está diferente, agora as zonas funcionam como locais, onde os personagens vão passando conforme a história avança e cada fase possui apenas 1 ato. Então temos a Green Hill, por exemplo, como um local, e cada personagem passará por lá em algum dado momento do jogo, ou seja, nem todos começam o jogo na Green Hill. Outro exemplo de local é a Chemical Plant. Isso tudo conta com o retorno de um World Map, que você usa para acessar as fases.

  Apesar de tudo, algumas coisas se mantiveram, como é o caso da tela do jogo:

  – Bem no topo da tela temos os Rings, que como sempre, protegem o seu personagem. Você pode coletar no máximo 999 e em algumas fases é bem simples ter mais de 500 devido a enorme fatura de anéis no jogo, já que eles não rendem mais vida ao coletar 100 ou 200.
  – Logo abaixo temos o Score que mostra a sua pontuação. Quase tudo agora conta pontos, pegar anéis, coletáveis, destruir badniks, etc. Diferentemente dos demais jogos do Sonic, o Score reseta ao final de cada fase;
  – Por fim o Time. Ele agora conta muito para ajudar na pontuação final para conseguir tirar rank S no final da fase. O limite de tempo aqui é de 1 hora (60 minutos);
Na parte de baixo da tela temos:
   – O Rental Avatar, caso esteja jogando com o Avatar e tenha escolhido um;
   – O Wispon equipado e seus modificadores;
   – A barra de Boost do Sonic moderno, caso esteja jogando com ele.

  Já no final das fases, você receberá sua pontuação baseado no seu desempenho naquela fase. O Score que você atingiu durante a fase será o ponto de partida da sua pontuação, então serão adicionados pontos pelo seu Time, pelo total de Rings que você terminou a fase e será subtraído pontos equivalentes a quantos Retries (mortes) você teve, portanto evite morrer ao máximo para não perder pontos. Por fim, seu Score final será multiplicado pelo Daily Mission Bonus o que determinará o seu Rank e o total será convertido em experiência para o seu Avatar.

  Requerimentos mínimos

Para rodar o Sonic Forces em seu PC, ele precisa no mínimo de:

  • SO: Windows 7 Service Pack 1
  • Processador: Intel i5 5th gen @ 2.7Ghz or AMD A10 7th gen @ 3.0Ghz
  • Memória: 4 GB de RAM
  • Placa de vídeo: Nvidia GTX 750 Ti or AMD R7 265
  • DirectX: Versão 11
  • Armazenamento: 18 GB de espaço disponível
  • Placa de som: Sound: 11 compatible

  Menus e World Map


  O jogo conta com uma série de menus:

– New Game: resete todo o seu progresso (incluindo os seus Avatares) e comece um jogo novo do zero.

– Continue: carrega onde o jogo parou para que possa continuar progredindo pela história.

– Episode Shadow: DLC gratuito do Sonic Forces. São 3 fases que servem para contar o que exatamente aconteceu com o Infinite e como ele surgiu. O ideal é jogar o modo normal do jogo até você encontrar o Shadow pela primeira vez, então pare e jogue o Episode Shadow para poder tirar o máximo de proveito da história.

 – Options: configure as opções do jogo como: vídeo, som, controles e idioma.

 – Theater: permite que você reveja qualquer cutscene que você já tenha destravado na história.

 – Quit: sai do jogo.

  Sonic Forces também conta com um World Map, onde você pode ver todas as fases espalhadas pelo mundo, além de outros menus:

– Espalhado pelo mundo, você terá todas as fases disponíveis para jogar, incluindo as fases extras e secretas. Além disso, você também verá o menus de missões e o local para customizar o seu Avatar. Pressionando Tab, você abrirá o menu lateral com a lista de todas as fases, para um acesso mais fácil.

– Page Up abre o menu de missões, para um acesso mais rápido, enquanto que Page Down abre o menu do Avatar e toda a sua customização.

  Caixas de itens e cápsulas

  As caixas de itens são exclusivas do Sonic clássico, o jogo possui as padrões da série. Já os Wisps são exclusivos do Sonic moderno e Avatar:

  Super Ring: dá 10 anéis extras.
  Blue Shield: escudo neutro que protege o Sonic e seus anéis na próxima vez que receber dano.
  Power Sneakers: aumenta a velocidade máxima e a aceleração do seu personagem por 5 segundos.
  Invencible: torna o seu personagem imune a dano por 15 segundos e se você tocar em inimigos, eles é quem receberão dano. Mas cuidado, pois você ainda pode morrer afogado, esmagado ou caindo em precipícios!
  Wisp Capsule: como sempre, você encontrará os Wisps dentro destas cápsulas. Espalhadas pelas fases do Sonic moderno e do Avatar, passe perto delas para quebrá-las e receber o poder do Wisp que está dentro.
  Jogabilidade, personagens e habilidades

  
Com a promessa de trazer de volta o estilo de jogo do Colors e Generations, Sonic Forces foi feito nos mesmos moldes desses jogos, fazendo uso da jogabilidade de boost. A física do jogo é bem semelhante a do Generations (porém um pouco pior), mas se você já está acostumado com essa jogabilidade acaba se adaptando. Em termos de velocidade, o jogo teve uma leve redução nela, já que agora não é mais possível ficar no Boost o tempo todo com o Sonic moderno, e o Avatar e o Sonic clássico não possuem tal mecânica. Com o retorno triunfal do ouriço negro, são ao todo 4 personagens jogáveis: Sonic moderno, Sonic clássico, Avatar e Shadow. Apesar do Shadow ter uma jogabilidade idêntica ao do Sonic moderno (incluindo as habilidades), cada personagem tem uma jogabilidade distinta, enquanto que o Avatar mistura um pouco dos dois Sonics.  Uma novidade do Sonic moderno e do Avatar são as cutscenes no meio das fases, onde você terá uma sequência de QTE (Quick Time Event) e deve apertar o botão de pulo quando o círculo chegar na marcação. Se apertar cedo demais ou tarde demais, você perderá pontos, mas prosseguirá. Caso não aperte nenhum botão, você falhará e pode acabar morrendo.

  Sonic the Hedgehog (clássico): depois de ser sugado pelo Phantom Ruby, no final do Sonic Mania, até a dimensão onde se passa o Sonic Forces, ele se reencontra com os personagens do futuro, onde é reconhecido por todos como um velho amigo retornando (mesmo com a SEGA insistindo em dizer que este Sonic clássico não é o mesmo do Generations, os diálogos do jogo deixam o contrário bem claro). Suas habilidades são as mesmas de sempre, porém desta vez ele trouxe o Drop Dash consigo.
  Spin Jump: apertando o botão de pulo, Sonic pulará girando, como sempre, e destruindo tudo em seu caminho. Basta pressionar o botão Jump enquanto estiver no chão.
  Spin: segure para baixo enquanto estiver correndo e Sonic começará a rolar, destruindo tudo em seu caminho e ganhando velocidade nas descidas.
  Spin Dash: enquanto estiver parado, segure para baixo e pressione o botão Jump diversas vezes para carregar e então solte para que o Sonic dispare rolando para frente com grande velocidade. Excelente para fazer algumas subidas.
  Drop Dash: a nova habilidade do Sonic. Pule e enquanto estiver no ar, aperte e segure o botão Jump novamente. Assim que tocar o chão, o Sonic disparará para frente com impulso extra.
  Sonic the Hedgehog (moderno): o ouriço supersônico mais rápido do mundo que ama liberdade e odeia injustiças. Enquanto estava ocupado atrapalhando outra tentativa maligna do Dr. Eggman, ele foi capturado por um atacante desconhecido.

  Com mudanças na sua jogabilidade, o Sonic moderno perdeu algumas habilidades que foram dadas para o Avatar, tornando o seu jogo um pouco mais simples. Agora ele não usa mais o poder dos Wisps e eles servem apenas para preencher a sua barra de Boost.

  Spin Jump: apertando o botão Jump, Sonic pulará girando, como sempre, e destruindo tudo em seu caminho. Basta pressionar o botão Jump enquanto estiver no chão.
  Double Jump: aperte o botão Jump enquanto estiver no ar para dar um pequeno salto, ganhando um pouco de altitude.
  Slide: um ataque rasteiro. Como o Sonic moderno não possui o Spin, esta é a única forma de atacar inimigos sem pular, ela também serve para atravessar passagens estreitas. Para executá-la basta apertar o botão Slide enquanto estiver no chão e se movendo.
  Stomp: um ataque em velocidade para baixo. Com esta habilidade o ouriço dará um grande impulso reto para baixo e só irá parar quando tocar no chão. Esta habilidade serve para quebrar caixas que bloqueiam a sua passagem para baixo ou para chegar rapidamente ao chão. Para executá-la basta apertar o botão Slide enquanto estiver no ar.
  Homing Attack: o bom e velho ataque aéreo do ouriço. Com esta habilidade o Sonic irá de encontro direto com um inimigo ou outros vários objetos do jogo. Excelente para acertar alvos com precisão, especialmente badniks e molas. Para executá-la basta apertar o botão Jump enquanto estiver no ar e quando uma mira aparecer em algo.
  Boost: um aumento incrível de velocidade. Ele destruirá qualquer obstáculo estático ou inimigo que tocar enquanto nesta habilidade, porém ela tem energia limitada, mostrada pela barra no canto inferior esquerdo. Você pode preencher esta barra fazendo destruindo inimigos ou pegando Wisps. O Sonic não consegue manter esta habilidade no ar por muito tempo. Para executá-la basta segurar o botão Boost.
  Cartwheel/Grind Step: um rápido impulso para os lados, quase instantâneo. Excelente para desviar de objetos e inimigos enquanto corre, ou mudar de rail rapidamente. Para executá-la basta apertar os botões Quick Step Left ou Quick Step Right enquanto estiver no chão e nas áreas em 3D.
  Custom Hero: o seu próprio personagem customizável. Como um sobrevivente do exército de robôs do Dr. Eggman, e como novo recruta da resistência, você será encarregado de várias missões perigosas. Vá encontrar o Sonic, combine forças e ajude a salvar o mundo!  Como único sobrevivente de um ataque do Infinite à cidade, o Avatar decide se unir a resistência para ajudar a retomar o mundo do Dr. Eggman. Sua jogabilidade é bem semelhante ao Sonic moderno, porém com a adição dos Wispons e do Grappling Hook que ele usa para fazer o Homing Attack. Como é ele quem usa o poder dos Wisps agora, isso acabou criando uma boa diversificação ao seu gameplay, pois o caminho que você segue na fase, depende totalmente do Wispon que você usa.
  Spin Jump: apertando o botão Jump, o Avatar pulará dando um salto mortal e destruindo tudo em seu caminho. Basta pressionar o botão de pulo.
  Slide: um ataque rasteiro. Como o Avatar não possui o Spin, esta é a única forma de atacar inimigos sem pular ou usar o Wispon, ela também serve para atravessar passagens estreitas. Para executá-la basta apertar o botão Slide enquanto estiver no chão e se movendo.
  Stomp: um ataque em velocidade para baixo. Com esta habilidade seu Avatar dará um grande impulso reto para baixo e só irá parar quando tocar no chão. Esta habilidade serve para quebrar caixas que bloqueiam a sua passagem para baixo ou para chegar rapidamente ao chão. Para executá-la basta apertar o botão Slide enquanto estiver no ar.
  Wire Attack: a versão do Homing Attack do Avatar. Com esta habilidade seu personagem irá de encontro direto com um inimigo ou outros vários objetos do jogo. Excelente para acertar alvos com precisão, especialmente badniks e molas. Para executá-lo basta apertar o botão Jump enquanto estiver no ar e quando uma mira aparecer em algo.
  Cartwheel/Grind Step: um rápido impulso para os lados, quase instantâneo. Excelente para desviar de objetos e inimigos enquanto corre, ou mudar de rail rapidamente. Para executá-la basta apertar os botões Quick Step Left ou Quick Step Right enquanto estiver no chão e nas áreas em 3D.
  Wall Jump: habilidade exclusiva da fase Imperial Tower, o Avatar herdou os saltos nas paredes do Sonic. Para usar essa habilidade, pule em direção a uma parede nas seções específicas da fase e o seu avatar grudará na parede, então, basta continuar apertando o botão de Jump diversas vezes para escalar pulando de parede em parede.
  Switch Avatar: se você tiver escolhido um Rental Avatar, pressione o botão Switch Avatar, enquanto estiver no chão, para trocar de Avatar e ganhar todas as habilidades deste novo Avatar, incluindo seu Wispon.
  Wispon Attack: aperte o botão de Wispon Attack para que o Avatar dispare o ataque básico do Wispon que estiver equipado.
  Wispon Special: depois de pegar um Wisp do mesmo tipo do seu Wispon, pressione o botão de Wispon Special para iniciar o ataque especial do seu Wispon. A energia começará a ser drenada imediatamente e você pode usar o ataque especial enquanto tiver energia.
  Tag Team: o quarto modo do jogo é o Tag Team, onde o Sonic e o seu Avatar se unem em uma missão e você joga com ambos ao mesmo tempo. A jogabilidade é a junção de ambos os personagens, então você tem acesso a todas as habilidades do Sonic e do seu Avatar. Você não precisa ficar trocando de personagens ou de controle, pois basta você apertar o botão e o personagem responsável por aquela ação imediatamente toma a frente e executa tal ação. Todas as fases de Tag Team são 100% em 3D.
  Double Boost: a única habilidade inédita do Tag Team, aqui, os dois personagens se unem em momentos específicos das fases e começam a carregar o Double Boost, então, você tem apenas 3 segundos para apertar o botão Jump ou Boost repetidamente o mais rápido que puder, para que o marcador fique dentro da área mostrada. Assim que o tempo acabar, os dois personagens saem em disparada com uma velocidade muito maior que a do Boost normal. Atropele o máximo possível de inimigos e pegue o máximo possível de anéis para manter a barra do Double Boost cheia.  

  Criação e customização do Avatar

  Assim que você chegar a segunda fase do jogo, você criará o seu Avatar. Esse é o seu personagem na história e você não pode mudar algumas características fundamentais dele depois de pronto (espécie, gênero, voz, olhos, orelhas e penas), portanto escolha com sabedoria, pois você só poderá criar outros avatares depois de terminar o modo história.

  Existem ao todo 7 espécies para você escolher ao criar o seu Avatar, cada uma possui uma habilidade passiva:

  • Coelho — Fica invencível por mais tempo quando é atingido;
  • Lobo — Automaticamente atrais os anéis e coletáveis próximos dele;
  • Gato — Fica com um anel após ser atingido;
  • Cachorro — Recomeça com 5 anéis depois de morrer;
  • Urso — Joga inimigos pra longe com o Homing Attack;
  • Pássaro — Voa alto com habilidades de pulo duplo;
  • Ouriço — Os anéis ficam mais tempo no chão quando você é atingido.

  Como a grande novidade do jogo, o Avatar tem diversas opções de customização tanto com as partes do corpo como nas roupas e acessórios. Você pode fazer o seu personagem ter uma aparência incrível, ou engraçada, e a melhor parte é que o seu Avatar aparece em todas as cutscenes do jogo mantendo a mesma aparência que você o deixou!

  Inicialmente suas opções de acessórios será bem limitada, mas conforme você avança no jogo, mais opções serão destravadas permitindo que você deixe o seu Avatar com um visual mais único e personalizado.

  Wispons e modificadores

  Novidade do Avatar, os Wispons (WISp + weaPON), são as armas que ele usa para auxiliar em sua jornada. Existem ao todo 7 poderes diferentes, cada um com 9 variações que criam pequenas modificações no seu personagem, totalizando 63 Wispons.

  Cada Wispon possui um ataque básico, que não tem limite de uso, e um ataque especial que precisa de um Wisp do mesmo tipo para ser usado e dura apenas alguns segundos após ativado, portanto procure as cápsulas de Wisps para ganhar uma super habilidade temporária.

  Você destrava a versão básica de cada Wispon avançando no modo história do jogo e para destravar as versões com modificadores, você precisa completar as missões do jogo ou coletar todos os Red Rings de certas fases.

Burst: seu ataque básico é um lança chamas que vai para frente por uma boa distância, segure o botão de ataque para um jato constante. Seu ataque especial é uma série de saltos explosivos no ar indo na direção em que você quiser. Excelente para cortar caminho pelos céus
Lightning: seu ataque básico é uma chicotada elétrica na direção em que o seu personagem está virado. Se estiver no chão, o seu personagem dará um impulso para frente junto da chicotada caso esteja se movendo, então cuidado para não cair de onde está. Seu ataque especial é o igual ao Lightspeed Dash dos jogos antigos, onde você pode seguir por uma sequência de anéis ou inimigos com grande velocidade.
Cube: seu ataque básico é uma martelada no chão que prende todos os inimigos terrestres em cubos e então você pode usar uma segunda martelada (ou atravessá-los) para transformá-los em anéis. Cada inimigo concede 3 anéis e isso não afeta inimigos aéreos, mas se você usar esta habilidade no ar, você girará até bater no chão, causando dano aos inimigos no caminho. Seu ataque especial é poder criar cubos abaixo de você para que alcance locais mais altos.
Hover: seu ataque básico é uma explosão de energia à sua frente, que joga para longe os inimigos. Seu ataque especial é poder flutuar pela fase (segure o botão para subir e solte para descer). Se você estiver com a carga máxima deste Wispon e cair em um abismo, você automaticamente começará a flutuar até voltar para onde estava.
Drill: para usar o seu ataque básico, pressione o botão várias vezes para carregar e então solte para que o seu personagem dispare com velocidade na direção em que estiver virado, atropelando tudo em seu caminho. Sua habilidade especial é enterrar o seu personagem e andar automaticamente para frente, destruindo inimigos e subindo paredes. Você pode pular enquanto se arrasta por aí. Este Wispon é, sem sombra de dúvidas, o melhor para enfrentar chefes ou fazer Time Attacks.
Asteroid: seu ataque básico é disparar “homenzinhos” de energia para frente causando dano aos inimigos. Você pode travar a mira em até 6 inimigos diferentes ao mesmo tempo. Seu ataque especial é torná-lo invencível e atrair qualquer item próximo de você.
Void: seu ataque básico é disparar um enorme buraco negro para frente que suga anéis e inimigos, os anéis são coletados e os inimigos destruídos. Sua habilidade especial é se teleportar a uma grande distância na direção em que você apontar o direcional, destruindo tudo em seu caminho, mas você não pode atravessar paredes, e se você cair em um abismo após usar a habilidade especial, você começará a flutuar por um tempo (10 segundos se estiver em uma parte 3D e 5 segundos se estiver em 2D), ganhando altitude automaticamente. Este Wispon é, provavelmente, o mais forte do jogo e é altamente indicado para conseguir altas pontuações ou coletar 999 anéis nas fases.

  Por sua vez, os modificadores são poderes especiais que podem vir com os Wispons e que melhoram a performance do seu Avatar. Existem ao todo 18, cada Wispon contém de 0 a 3 modificadores e eles fazem uma diferença significativa durante as fases, então escolha bem um que mais se adapta ao seu estilo de jogo ou que ajudará no que você pretende fazer.

Concede uma barreira protetora ao iniciar uma fase. Funciona igual ao escudo do Sonic clássico, protegendo os seus anéis e o seu Avatar de ataques uma única vez. Este é o único modificador que afeta o seu Avatar se ele estiver equipado no Rental Avatar.
Permite que você pare imediatamente, independente da sua velocidade. O famoso breque instantâneo é excelente para aqueles com dificuldade de controlar a velocidade do Avatar ou para jogadas de precisão.
Toda vez que você for atingido, você poderá se levantar mais rapidamente. Excelente para quem costuma ser atingido com frequência.
Permite que você faça Wire Attacks em sequência muito mais rápido. Recomendado para fases onde você tem que usar o Wire Attack diversas vezes seguidas.
Concede mais velocidade conforme você pega anéis. Perfeito para ir mais rápido em fases com muitos anéis.
Aumenta a sua velocidade nos rails. Excelente para acelerar mais forte naquelas fases cheias de rails.
A cada 100 anéis coletados você ganha uma invencibilidade de 5 segundos. Muito bom para aquelas fases cheia de anéis e armadilhas.
Bloqueia ataques inimigos enquanto estiver brecando. Útil para aquelas fases com muitos inimigos e que requerem manobras precisas.
Concede 5 anéis quando você começa uma fase. Muito bom caso esteja lutando contra chefes ou fases com muitos inimigos logo de cara.
Ganhe 5 anéis toda vez que atingir um checkpoint. Recomendado para fases com poucos anéis e inimigos logo após checkpoints.
Recebe anéis ao derrotar inimigos. Altamente recomendado para coletar anéis para completar o achievement de pegar 100.000 anéis.
Concede pontos extras toda vez que pegar anéis em sequência. Excelente para conseguir mais pontos nas fases e mais experiência para o seu Avatar.
A cada 100 anéis pegos, você ganhará um bônus de pontos. Ótimo para ganhar mais pontos durante as fases e ajudar a pega aquele rank S.
Receba pontos extras por derrotar vários inimigos em sequência. Mais um recomendado para conseguir mais pontos extras.
Concede uma explosão de velocidade após atingir o chão com o Stomp. Útil para conseguir bons tempos nas fases.
  Receba uma explosão de velocidade ao pousar. Cuidado ao usar este modificador, pois toda a vez que você tocar no chão, seja por um salto ou uma queda, seu personagem irá disparar para frente com tudo.
Aumenta a distância que você alcança com o Slide. Recomendado para aqueles que abusam do Slide ou para fases com muitas passagens estreitas.
Torna os seus Wire Attack mais rápidos. Ótimo para economizar tempo em fases onde você usa o Wire Attack com frequência.

  Experiência e honras

  Cada Avatar que você criar receberá experiência igual a sua pontuação no final de cada fase, mesmo que você não tenha jogado com ele naquela fase. Conforme sua experiência aumenta, você ganhará honras (medalhas), a cada 4 honras de bronze, você ganha 1 de prata e a cada 2 de prata você ganha uma de ouro. Cada Avatar pode ter no máximo 3 honras de ouro e você precisará de aproximadamente 9.000.000 de experiência para isso.

  Como praticamente tudo no jogo rende pontos, pegue o máximo de anéis possíveis, destrua o máximo possível de inimigos e pegue os colecionáveis (Red Star Rings, Number Rings e Silver Moons), pois conseguir os 5 de cada rende muitos pontos, mas também não se esqueça de terminar a fase rápido, já que o tempo também rende muitos pontos e não morra, pois mortes tiram muitos pontos. Além disso, tire o máximo de proveito das Daily Missions, pois elas multiplicam a sua pontuação, aumentando em até 3x a quantidade de experiência que você ganha.

  Rental Avatar

  Uma opção que foi revelada pouco antes do lançamento do jogo é que você pode alugar um Avatar de outro jogador através da internet para lhe auxiliar nas fases, permitindo que você use 2 Avatares em uma mesma fase. Você pode alternar entre eles a qualquer momento durante a fase, trocando as habilidades do seu Avatar e o seu Wispon pelos do alugado.

  Nos menus, antes de começar qualquer fase com o Avatar ou Tag Team, você pode alugar um Avatar. Ao entrar nas opções, 9 avatares lhe serão apresentado, mostrando os seus status, e então você pode escolher um deles.

  Procure escolher um Avatar que complete o seu e que tenha um Wispon diferente, para que você possa seguir por um caminho diferente durante a fase.

  Locais e Fases

  Como dito, Sonic Forces usa um esquema diferente com relação as fases. Agora ao invés de zonas com fases, o jogo conta com locais e fases, mas de uma forma não linear, pois cada personagem passa nessas localidades em momentos diferentes da história. Então, apesar da Green Hill ser a primeira fase do Sonic moderno, o Avatar passa nela na vigésima fase do jogo, por exemplo.

  Apesar do jogo ter 30 fases principais, elas são o grande problema do jogo. Além de serem muito curtas, são extremamente lineares e estão cheias de partes automáticas, onde o seu personagem faz tudo sozinho e você pode, literalmente, largar o controle e só assistir. Esse foi, sem sombra de dúvidas, o grande fator de reclamação sobre o jogo. Mesmo com Shun Nakamura dizendo, após o lançamento do jogo, que as fases foram feitas assim para que os jogadores pudessem passar por elas como maníacos, a coisa não colou.

  Uma novidade interessante é que existem cutscenes durante algumas fases, especialmente com o Avatar. Isso adicionou um toque interessante ao Sonic Forces. Conforme avança na história, você vai recuperando território conforme passa todas as fases de uma certa localidade.

  Cada personagem tem uma fase em cada localidade do jogo (salvo exceções), e elas são: Green Hill, Chemical Plant, Death Egg, City, Mystic Jungle, Metropolis e Eggman’s Empire Fortress. Você pode facilmente identificar com qual personagem irá jogar pela cor do ícone na fase. Se o ícone da fase parecer espinhado, é porque será uma boss fight:

Azul escuro é para o Sonic moderno.
Laranja é a cor que representa o Avatar.
O Sonic clássico é marcado pelo azul claro.
Metade azul escuro e metade laranja é para o Tag Team.
  Green Hill: devido a forte industrialização do Dr. Eggman, a Green Hil está começando a se desertificar e toda a vida vegetal está morrendo.  Aqui é onde tudo começa com o Sonic moderno correndo para a cidade para impedir o mais novo ataque do Dr. Eggman. Você só retornará aqui na sétima fase como Tag Team, onde você ataca uma base do Dr. Eggman dentro de uma pirâmide. O Sonic clássico, por sua vez, vem a Green Hill na décima fase à procura do Dr. Eggman e o enfrenta em sua primeira boss fight com o ouriço de outra dimensão. Já o Avatar, passa por ela na vigésima fase para criar uma distração para o Sonic moderno atacar a Chemical Plant, porém, você é surpreendido por um robô caranguejo gigante que o persegue.

  A batalha contra o Dr. Eggman começará idêntica a da Green Hill original, mas após atingi-lo 4 vezes, ele irá para dentro do Egg Dragoon, onde ele o ataca do fundo da fase e você deve desviar dos seus ataques, e esperar ele jogar as pedras. Rebata as pedras pretas para atingir o vilão.

  Já o Avatar enfrentará um caranguejo robô gigante, basta desviar das pedras que ele atira e quando QTE aparecer, acerte-o para derrotar o robô.

  Chemical Plant: com o domínio global do Dr. Eggman, ele criou diversas Chemical Plants.  Sua primeira missão aqui será com o Avatar, onde você ajuda a roubar uma nave para resgatar o Sonic moderno. Depois, você voltará com o Sonic clássico na décima oitava fase para hackear o computador e conseguir informações. O Sonic moderno virá aqui na vigésima primeira fase, onde ele precisa encontrar a sala do computador para tomar controle da Chemical Plant. Não há Tag Team nem boss fights nesse local.
  City: a cidade onde se originou o ataque do Dr. Eggman para dominar o mundo. Agora ela está completamente destruída e dominada por diversos Death Egg Robots.  O Sonic clássico começa a sua jornada no jogo aqui, na terceira fase, onde ele se une ao Tails moderno para ir atrás do Dr. Eggman e acabar com toda a destruição. O Avatar passa pela cidade na décima segunda fase, onde ele ajuda a combater o exército do Dr. Eggman para auxiliar na evacuação dos civis. Já o Sonic moderno vai em busca do Shadow na décima quinta fase. O Tag Team vem para a cidade na tentativa de parar o ataque do Metal Sonic na décima nova fase.

  O Metal Sonic é o único chefe aqui e você o enfrente no Tag Team. Desvie dos ataques do Metal Sonic enquanto o persegue. Espere ele criar um escudo de inimigos ao seu redor e então se aproxime e use o Homing Attack ou o seu Wispon para destruir o escudo e então atingir o Metal Sonic 3 vezes seguidas. Ele então fugirá e criará um zig-zag de lasers. Repita o processo 3 vezes para derrotá-lo.

  Death Egg: a icônica fortaleza espacial do Dr. Eggman está de volta e desta vez com direito a partes no espaço e artilharia pesada!  A primeira fase aqui será a quarta, com o Avatar, onde você precisa localizar e salvar o Sonic moderno da prisão do Dr. Eggman. A quinta e sexta fases são com o Sonic moderno, que devido ao caos causado pelo Avatar, consegue escapar, mas logo dá de cara com Zavok para uma boss fight e depois o ouriço precisa encontrar uma forma de escapar da Death Egg. Já o Sonic clássico só vem aqui na vigésima segunda fase, onde precisa destruir a base espacial do vilão para acabar com a fonte de energia do Phantom Ruby. Não há Tag Team nesta localidade.

  A luta contra o Zavok será em uma pequena arena flutuante, onde ele vem montado em um Buzz Bomber gigantesco. Comece destruindo os Buzz Bombers que aparecem e então desvie do laser e fuja da sombra do Buzz Bomber. Aproveite o impulso de quando ele bater no chão para atingir Zavok 3 vezes. Repita o processo e estão um pedaço da plataforma cairá e ele começará a atacar pelas laterais. Continue repetindo o processo até derrotá-lo.

  Mystic Jungle: em busca de mais uma das bases do Dr. Eggman, a resistência agora vai para uma floresta que está em chamas devido aos ataques do vilão.  O primeiro personagem a se jogar aqui será o Sonic moderno nas oitava e nona fases, e que se depara com uma cobra gigante no final da fase que tenta comê-lo, e logo após o Infinite para uma boss fight. O Sonic clássico passa por aqui na décima terceira fase que é mistura floresta e cassino, para tentar achar o Sonic moderno. O Avatar vem logo em seguida na décima quarta fase para finalmente achar a base do Dr. Eggman após passar uma série de escorregadores de água.

  Na primeira luta contra o Infinite o Sonic moderno estará correndo em uma espiral que se assemelha a cobra que ele acaba de derrotar. Corra atrás do Infinite para alcançá-lo o mais rápido possível e acertá-lo, depois desvie das fendas que ele cria. Se uma delas lhe atingir, você será enviado para uma ilusão cheia de armadilhas para desviar. Após ser atingido algumas vezes, Infinite saltará no ar criando diversas ilusões de si próprio, use o Homing Attack para pular por elas até chegar no original que está lá atrás.

  Metropolis: uma fase com visual deslumbrante, nesta cidade futurística a resistência começa a sua investida direto ao Dr. Eggman.  Em uma decisão precipitada, Knuckles ordena um ataque direto e você toma controle do Avatar na décima sexta fase para ajudar no ataque e logo em seguida na décima sétima fase para enfrentar Infinite novamente. Depois de destruir a fonte de energia da Death Egg, o Sonic moderno vai em busca do Dr. Eggman na vigésima terceira fase para tentar derrotar o vilão. Contudo, com o Phantom Ruby ainda energizado pela real fonte de poder, o Dr. Eggman prende o Sonic e o Avatar no null space na vigésima quarta fase, então cabe ao Tag Team sair de lá e perseguir o vilão novamente. O Sonic clássico não possui fase nesta localidade.

  A luta entre Infinite e o Avatar tem tom de revanche de quando o Infinite atacou a cidade e deixou o Avatar sobreviver. Aqui você deve desviar dos ataques incessantes do vilão enquanto tenta acertá-lo. Faça de tudo para desviar das fendas que ele cria, pois se tocar nelas, você será enviado para uma ilusão cheia de canhões e mísseis gigantes para desviar. O Wispon Drill torna toda essa luta extremamente fácil, pois ele atinge o vilão mesmo no ar e causa tanto dano que a luta acaba rapidamente.

  Eggman’s Empire Fortress: encurralado em sua fortaleza final, e com o tempo acabando para que o seu plano se finalize, o Infinite apela para uma manobra que destruiria tudo.  O Avatar se encarrega logo de cara, na vigésima quinta fase, a parar o ataque do Infinite e salvar a todos. Logo após isso, o Sonic clássico dispara na vigésima sexta fase para procurar a fonte de energia final do Phantom Ruby, mas se depara com o Infinite para a última boss fight contra ele na vigésima sétima fase, onde ele conta com uma ajuda bem vinda. Enquanto isso, o Sonic clássico segue por outra área para tentar encontrar a entrada da torre onde o Dr. Eggman se esconde durante a vigésima oitava fase. Na vigésima nona fase, o Tag Team se encarrega de destruir a última fonte de energia do Phantom Ruby. Finalmente todos se unem para derrotar o Dr. Eggman de uma vez por todas durante a trigésima fase.

  Na luta contra o Infinite, o Sonic moderno começa sozinho, mas depois de atingi-lo duas vezes, o seu Avatar se unirá a luta. Ela é bem parecida com a luta contra o Metal Sonic, corra atrás do Infinite, desvie das fendas que ele crie para não entrar na sua ilusão cheia de armadilhas, destrua o escudo de badniks que ele cria ao redor dele e então atinja-o. Repita tudo isso 4 vezes e ele será derrotado.

  Já na batalha final contra o Death Egg Robot, cada um dos três personagens terá a sua vez. O Sonic clássico começa a luta em uma plataforma flutuante feita de cubos que são destruídas pelo Dr. Eggman, desvie dos ataques e rebata as pedras pretas no robô. Assim que causar dano o suficiente, ele cairá na plataforma onde o seu Avatar toma a liderança. Agora, desvie dos mísseis e depois do soco que o robô dá na plataforma e então use o Wire Attack na esfera vermelha no peito do robô. Depois de fazer isso duas vezes, comece a correr, pois o vilão irá destruir uma enorme parte da plataforma com um enorme soco e depois mais um pouco com os lasers. Atinja a esfera em seu peito mais algumas vezes para que o robô seja destruído. Então você chega na terceira e última parte, onde os 3 personagens se unem em um Tag Team e você precisa correr atrás do Dr. Eggman enquanto desvia dos ataques. Alcance-o e o atinja diversas vezes, até que sua barra de vida se esgote e então use o Triple Boost para finalizar o jogo.

  Extra e Secret Stages
  Além das fases normais, existem as outras fases que você precisa destravar: as Secret Stages e Extra Stages. São ao todo 6 Secret Stages e 7 Extra Stages e você sempre jogará com o Avatar ou o Sonic moderno. Ganhando território de volta no World Map, você vai destravando as Secret Stages, a primeira é destravada após completar a fase 14.  Para destravar as Extra Stages, você precisa completar as Challenge Missions de coletar Red Star Rings, que exigem que você colete certas quantidades deles, a primeira é destravada após coletar 25 Red Star Rings. Essas são fases extras e que não são necessárias para completar o jogo, porém é recomendado que as faça, pois cada uma delas destrava um Wispon com 3 modificadores!Cada uma delas são uma espécie de mini fase. São todas em 2D e exigirão um bom nível de plataforming e precisão nos seus movimentos.
  Missões

  Existem 3 tipos de missões: SOS Missions, Daily Missions e Challenge Missions.

  As Challenge Missions vão destravando conforme você vai completando o jogo e outras Challenge Missions. Elas variam de coisas simples, como usar uma habilidade em tal fase, upar o seu Avatar, usar Wispons, até exigir terminar certas fases abaixo do tempo determinado. Para acessá-las, basta apertar Page Up no World Map. A cada missão desse tipo que você completar, você destravará novos acessórios para o Avatar ou até mesmo Wispons com modificadores.

  Já as Daily Missions servem para aumentar a quantidade de pontos que você recebe ao final de cada fase e consequentemente a experiência para o seu Avatar. Para acessá-las, basta apertar Tab no menu de missões (é necessário conexão com a internet para usá-las). Como o nome sugere, existe apenas uma por dia, mas você pode completar a missão do dia seguinte com algumas horas de antecedência. Elas são simples de se fazer, pedem coisas como mudar alguma peça do seu Avatar ou completar uma determinada fase. O bônus de pontos que você recebe aumenta conforme você completa missões em sequência, então, o ideal é você nunca perder uma! O bônus começa com 1,2x e vai subindo até 3,0x conforme você as completas e se perder algum dia, o bônus voltará para 1,2x. Eles ajudam muito a upar novos Avatares e a tirar rank S nas fases. Tal bônus não vale para o Episode Shadow, dura apenas 30 minutos e ele se ativa automaticamente na próxima vez que você entrar no modo história do jogo, portanto cuidado quando for jogar!

  As SOS Missions aparecem frequentemente no World Map e exigem que você complete uma fase sem morrer ou desistir dela, então se prepare bem antes de começar uma! Depois de aparecerem, elas ficam disponíveis apenas por um tempo e concedem experiência extra quando completadas, então não demore para fazê-las! Cada SOS Mission vem com uma cor diferente que indica o que você deve fazer, você pode ver a cor no balão do SOS no ícone da fase e na descrição no menu da fase:

Vermelho: você receberá um Avatar aleatório e precisa completar a fase com ele.
Verde: complete a fase com um Rental Avatar aleatório. Você não é obrigado a usá-lo.
Azul: você deve encontrar uma cápsula de animais escondida em algum lugar da fase para liberar os animais e um Avatar que estão presos, antes de completar a fase.
  Destraváveis e Coletáveis

  O jogo possui uma grande quantidade de destraváveis, porém todos são para o Avatar. Eles são acessórios, para customizar mais ainda o seu Avatar, ou Wispons com modificadores para melhorar ainda mais o seu desempenho nas fases. Para destravar conteúdo, você deve pegar todos os Red Star Rings de uma mesma fase ou completar as Challenge Missions, e você será recompensado com uma série de destraváveis.  Após chegar ao final do jogo, você destravará o Avatar Collection, que permite que você crie novos avatares. Você pode ter no máximo 15 avatares de uma vez. Ao completar o Episode Shadow, você destravará o ouriço negro e poderá jogar com ele nas fases do Sonic moderno.

  Sonic Forces traz uma grande quantidade de coletáveis para aumentar o fator replay do jogo. Desta vez, além dos Red Rings, temos também os Number Rings (usados pela primeira vez no Lost World) e as Silver Moons (novidade na série Sonic). Você deve sempre terminar a fase após coletá-los para que sejam salvos, morrer após pegá-los faz com que desapareçam, a menos que alcance um checkpoint. Nem todas as fases possuem esses coletáveis.  Os Number Rings e as Silver Moons não destravam conteúdo, servem apenas para achievements e estão sempre próximos um do outro, então se você achou o primeiro, os demais não devem estar longe:

Red Star Rings: como costume na série moderna, esses anéis ficam escondidos em algum lugar da fase. São sempre 5 e você precisa coletar os 5 de uma mesma fase para ganhar os destraváveis e liberar os Number Rings dessa fase.
Number Rings: com a mesma funcionalidade do Sonic Lost World, você deve coletá-los em ordem crescente, indo do 5 ao 1. Se pegar algum fora de ordem, todos somem. Ao coletar todos da fase, você destravará as Silver Moons.
Silver Moons: coletáveis inéditos da série Sonic, são sempre 5 e a partir do momento que você pegar a primeira, uma contagem regressiva começará e você deve pegar as demais antes do tempo acabar, caso contrário elas sumirão. O tempo para pegá-las varia de fase para fase. Elas darão um pouco de trabalho em algumas fases, pois a sua cor se confunde com o cenário de fundo.
  DLCs

  Sonic Forces está recebendo vários conteúdos via DLC, coisa que não aconteceu com o Generations, e todos de graça, até agora.

  Vários desses conteúdos vieram com o jogo, como o Episode Shadow, o pacote de acessórios da SEGA e do Persona 5 para o seu Avatar.

  Após o lançamento, o jogo já recebeu as camisas do Sanic para o Avatar.

  Episode Shadow

  A grande bomba que veio do nada foi a confirmação de outro DLC de pre-order que contém não apenas a roupa do Shadow para o seu Avatar, mas também um modo história para se jogar com o Shadow em si.

  Em termos de história, o episode Shadow conecta a parte 3 da comic lançada antes do jogo (que está no começo desta review) com o começo do jogo em si, então ele conta mais sobre como o Infinite surgiu e como o ouriço negro se encontrou com ele. Essa mini história possui 3 fases exclusivas e o ideal é que você a jogue após se encontrar com o Shadow pela primeira vez no modo história normal. Terminar este DLC permite que você jogue com o Shadow em quase todas as fases do Sonic moderno.

  Super Sonic
  A DLC paga do Super Sonic chegou causando grande controvérsia na comunidade, afinal, algo que sempre foi padrão em praticamente todos os jogos do Sonic desde o Sonic the Hedgehog 2, agora é um conteúdo adicional e pago. Ela foi disponibilizada para ser baixada gratuitamente de 22 de Dezembro de 2017 até 23 de Janeiro de 2018, mas aqueles que chegaram depois desta data tiveram que pagar.  Não há necessidade de pegar as Esmeraldas do Caos e você pode jogar com o Super Sonic tanto com o Sonic clássico quanto com o moderno e pode usá-los em qualquer fase em que você jogue com um deles, incluindo as fases de Tag Team. Você o escolhe no menu antes da fase, assim como faz para escolher o Shadow.  O Sonic se tranformará automaticamente ao coletar 50 anéis e se destranformará automaticamente durante as cutscenes. Como sempre, o Super Sonic consome 1 anel por segundo e se eles acabarem, você perde a transformação.  Como de costume, o Super Sonic é invulnerável e mais rápido que o normal. O Super Sonic moderno possui Boost infinito e atrai os anéis próximos enquanto o executa, já o Super Sonic clássico atrai anéis próximos dele enquanto executa o Spin, Spindash ou Drop Dash.
  Leaderboards

  Sonic Forces não possui um modo específico de Time Attack, então se quiser concorrer para os melhores tempos nas leaderboards online você deve jogar no modo história mesmo.

  O único diferencial aqui é se você for jogar com o Avatar, pois o Wispon que você usa com certeza influenciará no seu tempo, mas as leaderboards não fazem diferença entre eles, logo, você deverá optar pelo melhor Wispon para aquela fase para ter alguma chance.

  As leaderboards são apenas para tempo, não existindo uma versão para pontos, e você não pode participar delas usando o Super Sonic.

  Análise Geral

  A Hedgehog Engine 2.0 não deixa dúvidas da sua capacidade, fazendo do Sonic Forces um dos jogos mais bonitos graficamente. O fundo das fases são bem detalhados e bonitos, basta ver a Metropolis para se ter um exemplo.

  Em termos de música, o jogo dá um show com a trilha sonora do Sonic moderno e do Avatar, sendo que pela primeira vez em muitos anos, tivemos músicas com vocais nas fases. A maioria delas parece sempre lembrar alguma outra música, seja do próprio Sonic ou de outros jogos. Porém, as músicas do Sonic clássico deixam a desejar, pois parece que tentaram fazer as músicas soarem como se fosse algo da era do Mega Drive, mas acabaram ficando muito abaixo do que deveriam.

  Levando em conta a equipe que trabalhou no Forces, o jogo parece um retrocesso em alguns aspectos comparado com o Colors e o Generations. Os dois maiores, sem sombra de dúvidas, são o level design e a física.

  Comparando o controle dos personagens, o Sonic clássico é bem semelhante ao que era no Generations, enquanto que o Sonic moderno parece que teve uma leve piora. Parece ser mais difícil controlar o Sonic moderno em baixa velocidade, o que torna mais complicado fazer saltos de precisão nas seções de plataforma. Com relação ao Avatar, o único grande problema que ele apresenta é com relação a sua aceleração, que às vezes é um pouco repentina e às vezes parece que ele simplesmente não acelera.

  Já falando das fases em si, elas são muito curtas e lineares, e apresentam várias seções automáticas, onde você pode literalmente largar o controle que o personagem fará tudo sozinho, isso sem contar as seções onde você só segura para frente e salta esporadicamente. Esses são, sem sombra de dúvidas, os pontos mais baixos do jogo e os que foram o centro de quase todas as reclamações.

  O nível de dificuldade do jogo é mediano, mesmo jogando no Hard. Talvez apenas quem for novo na série Sonic tenha dificuldades para finalizar o jogo.

  O fan service do Sonic Forces é extremamente alto. Com o Shadow como personagem jogável e o Avatar sendo o centro das atenções, sem sombra de dúvidas se preocuparam bastante em agradar os fãs com cosméticos e um clone do Sonic, o que não seria ruim se as fases não apresentassem tantos problemas. Você pode deixar o seu Avatar bem estiloso, ou com uma aparência bem cômica, mas a impressão que ficou, é que se preocuparam demais com tudo isso e se esqueceram do principal, que é o jogo em si.

  Sem nenhuma forma de multiplayer, nem mesmo local, que é algo que vem sendo pedido faz tempo, o máximo que temos é o Rental Avatar, mas que tem zero interação com outros jogadores, e as Leaderboards de melhores tempos.

  A quantidade de extras, como os destraváveis e os coletáveis aumentam o fator replay do jogo, afinal você pode destravar mais Wispons e aparatos para o seu Avatar, mas pegar tudo para fechar o jogo 100% tem um forte ar de grinding. Pegar 100.000 anéis para conseguir o achievement leva tempo e dedicação.

  O trailer de revelação do jogo deixou um ar de propaganda enganosa, quando todos ficaram excitados com o retorno dos vilões, e que no fim, Chaos 0 e Shadow são derrotados em meras cutscenes dentro do jogo e o jogador nunca chega a enfrentá-los.

  Segundo o próprio Shun Nakamura, produtor do Sonic Forces, eles levaram cerca de 2 anos trabalhando na Hedgehog Engine 2 e 1 ano no Sonic Forces em si. Talvez isso seja a raiz dos maiores problemas do jogo? Talvez se eles tivessem se empenhado mais no jogo em si as fases seriam mais complexas? Difícil dizer.

  Seja como for a impressão que o Sonic Forces deixou é que a Sonic Team parece ter desaprendido o que faz um jogo do Sonic ser um jogo do Sonic, pois o jogo tentou recapturar o sucesso que o Uncolorations havia feito, trazendo a série Sonic de volta a relevância, mas parece que acabaram se perdendo. Talvez esses 6 anos de hiato entre o Generations e o Forces tenha apagado algumas memórias dos desenvolvedores.

  Como Takashi Iizuka havia dito que o futuro da série Sonic dependeria do sucesso do Mania e do Forces, ainda é incerto o que esperar, uma vez que o Mania foi um sucesso absoluto, sendo reconhecido até mesmo pela SEGA como o jogo mais popular do Sonic nos últimos 15 anos, e o Forces tropeçou, sendo bombardeado pelas críticas.

  Será que a SEGA conseguiu cumprir com a promessa que fez em 2015 de que voltaria a ganhar a confiança dos fãs?

  Curiosidades

– Todo o trailer da revelação do jogo foi feito exclusivamente para isso e não aparece em momento algum em nenhuma parte do jogo;

– Apesar de ter sido dito que o Sonic Forces seria feito pela mesma equipe que fez o Colors e o Generations, duas das três pessoas responsáveis pelo level design do Forces nunca trabalharam em um jogo do Sonic antes como level designers:

– Por algum motivo, as Esmeraldas do Caos foram completamente ignoradas no jogo. É como se elas não existissem. Os Super Sonics já estavam nos arquivos do jogo e é possível acessá-los fazendo algumas modificações em tais arquivos, porém eles foram liberados mais tarde como conteudo pago;

– Antes do lançamento, depois que foi revelado que o Shadow seria um dos vilões do jogo, foi dito que ele teria suas próprias razões para lutar do lado do Eggman, mas no fim, ele não passava de uma ilusão;

– Em todas as demos mostradas em eventos, não era possível recuperar nenhum anel perdido e essa era a habilidade especial do Avatar ouriço: você poderia recuperar anéis perdidos, porém na versão final do jogo, isso foi modificado e você pode recuperar anéis com qualquer personagem;

  -Esta concept art do Sonic Forces chamou muito a atenção. Ela foi liberada pouco antes do lançamento do jogo e mostra o que parece ser uma luta final contra o Infinite em um lugar que parece ter sido criado pelo Phantom Ruby, porém, tal lugar e tal batalha nunca existiram no jogo. Não se sabe ao certo se foi uma ideia descartada ou se virá no futuro como um DLC, já que o Infinite simplesmente some no final do jogo;

– Takashi Iizuka disse que o Avatar foi colocado no jogo como uma resposta aos inúmeros e-mails que recebeu de fãs mostrando os seus fan-chars ao longo dos anos. Então ele finalmente resolveu dar a chance de que as pessoas criassem os seus próprios personagens num jogo do Sonic;

– Um dos motivos pelo qual só não se pode jogar com o Shadow nas fases Egg Gate e Luminous Forest é por conta das cutcenes não mudarem o modelo do personagem:

– Várias espécies foram cogitadas para o Avatar e foram abandonadas. Por muito pouco não tivemos dragões!

 

– Zero era o nome do Infinite durante os seus esboços e a sua música tema faz referência aos demais vilões que ele trouxe de volta:
  ►I’m the tallest of the mountains = Zavok
  ►I am the roughthest of the waves = Chaos 0
  ►I’m the toughtest of the terrors = Metal Sonic
  ►I am the darkest of the days = Shadow

  Ficha Técnica 
Capa do jogo Dados
    Nome: Sonic Forces
  Plataformas: Playstation 4, Xbox One, Nintendo Switch e Steam
  Gênero: Plataforma/Ação
  Distribuidora: SEGA
  Desenvolvedores: Sonic Team e Hardlight
  Idioma: Multi-Idiomas
  Data de Lançamento: 07/11/2017
Avaliação Prós/Contras
Gráficos: 10
Som: 9
Jogabilidade: 6
Diversão: 7
Nota Final: 7

  Prós: bastante fan service, boas músicas, bons gráficos, boa atmosfera, desenvolvimento dos personagens muito bom (com algumas exceções), bom valor de replay, finalmente o Sonic não é o único personagem jogável, várias opções de customização do Avatar, bom preço e conteúdo extra gratuito.

  Contras: fases muito lineares, curtas e com uso excessivo de partes automáticas, trilha sonora do Sonic clássico e o fato dele parecer perdido ou forçado no jogo, pouca customização com relação ao formato do corpo do Avatar e algumas espécies tem poderes pouco úteis.

Diga não ao plágio, cite a autoria!
Por: Skar
Postado em: 25/12/2017
Atualizado em: 25/12/2017