Power Sonic Fórum

Power Sonic Fórum

Você é da era do MSN, Irc e Fóruns? Quer fazer parte da resistência? Você que é da era do Facebook, quer conhecer um fórum de Sonic? Faça parte de nosso fórum desprovido de regras! Clique e veja.

Reviews/Guias

Reviews/Guias

Confira os reviews e resumos dos jogos do Sonic mais completos da web! Clique e veja.

Review do Sonic Mania Plus

Review do Sonic Mania Plus

Confira nossa análise do Sonic Mania Plus! Clique e veja.

Sonic Mania Adventures

Sonic Mania Adventures

Saiba mais sobre a animação Sonic Mania Adventures. Clique e veja.

Review do Team Sonic Racing

Review do Team Sonic Racing

Saiba tudo sobre o jogo! Clique e veja.

 

A onda nostálgica de Hollywood arrebata a franquia Sonic

A década de 1990 foi marcante para aqueles que puderam aproveitar a época. Ícones midiáticos que apareceram nos mais diversos formatos no princípio do período e tecnologias revolucionárias que mudaram nossa forma de interagir com o mundo surgiram como marcos de uma época que hoje já está mais de 20 anos distante de nós.

É impossível falar dos anos 1990 sem mencionar os videogames. Com a abertura dos mercados brasileiros a mais bens de origem estrangeira, além da possibilidade da fabricação de itens eletrônicos em solo nacional por meio de parcerias muito bem acertadas, não mais ficaríamos atrasados quanto às novidades que chegavam ao resto do mundo.

Com isso, Mario Bros. e Sonic tomaram as nossas casas, e as disputas entre Nintendo e Sega – que hoje se unem em jogos que têm como tema as Olimpíadas – chegaram junto. Para além das telas de televisão que recebiam os sinais dos consoles, todo um mercado de suporte, que ia das distribuidoras de jogos até as edições de revistas dedicadas a jogos, foi criado para fazer a máquina girar.

A nostalgia que essa época traz, apesar da falta de várias facilidades que hoje temos graças em grande parte à internet – cuja forma embrionária apareceu também nos anos 1990 –, dificilmente será reproduzida de forma igual no futuro. Entretanto, as empresas de mídia têm feito um grande esforço nesse sentido, recuperando franquias e trazendo às grandes telas nossos heróis de outrora. Algo que era quiçá esperado, ao se observar as dificuldades que o mercado cultural de massa tem enfrentado há alguns anos.

Os anos 1990 como ruptura estilística

Em forma puramente estilística, a década de 1990 veio para representar uma enorme quebra em relação ao período oitentista. Esse rompimento era verificado de forma bem clara nos universos do cinema, da música e da moda, que viram repaginadas drásticas.

Nestes três ramos, deixaram-se para trás as cores mais sombrias e a onda pessimista que os anos 1980 carregaram por muito tempo. O “revival gótico”, que era visto em filmes como o Batman de Tim Burton, deu lugar à explosão de cores nos estúdios e nas passarelas. Agora a tendência era ser “cool”, colorido, otimista e até mesmo futurista.

Os videogames acabaram passando pela mesma transformação, cuja maior representação é Sonic. O superveloz ouriço azul com tênis vermelhos, cheio de atitude e lançando mão de todas as gírias noventistas, é um retrato fidedigno da época que testemunhou o seu auge. E, graças aos esforços conjuntos da japonesa Sega com a brasileira Tec Toy para tornar videogames uma mídia de massa no Brasil por meio de consoles como o Mega Drive, o herói acabou se tornando parte do inconsciente coletivo dos anos 1990, até mesmo entre aqueles que nunca pegaram num controle de videogame.

Enquanto os anos 2000 e 2010 têm tido muito mais proximidade com a década de 1980, tanto em visual quanto em pessimismo, a iconografia de Sonic – que poderia ser vista como ultrapassada – continua muito viva. Ela conta ainda com uma grande base de fãs ultradedicados, tanto aqui no Brasil quanto no resto do mundo, que consomem as mídias do herói de forma religiosa, em um fenômeno que é raramente visto com outros ícones dos videogames.

Um “revival” nada novo

A dedicação dos fãs de Sonic ao herói foi sem dúvida uma das motivações para que o seu filme começasse a ser desenvolvido pela Paramount. E o mesmo vale para a sua renovação visual, em uma demonstração clara de que o estúdio estava bem atento para o seu público-alvo, que criticou (de forma mais do que justificada) a potencial representação do ouriço nas telas.

É interessante, entretanto, observar que Sonic não é o primeiro ícone dos anos 1990 a receber um “revival” midiático. A franquia Jurassic Park, por exemplo, ganhou uma nova série de filmes, além de ter recebido destaque em um dos produtos oferecidos na plataforma da Betway caça-níqueis online e em um simulador de parque de dinossauros, Jurassic World Evolution, para Steam e outras plataformas. As Tartarugas Ninja também ganharam um novo filme, além de jogos de celulares de videogames tradicionais, como o Playstation 4. Até mesmo Homens de Preto, que estava fora dos circuitos de cinema desde o começo dos anos 2002, teve sua trama “ressuscitada” na década atual.

Enquanto isso, vemos cada vez menos franquias originais tomando os cinemas. Houve tentativas bem-sucedidas – caso de Jogos Vorazes, que se tornou um grande hit nas telas –, mas (muitas) outras não tiveram o mesmo desfecho.

Surfando na onda da nostalgia

Percebe-se com clareza que em tempos atuais não é fácil conseguir público cativo para “novidades” no mercado de mídia. As maiores bilheterias atuais ficam nas mãos das adaptações de histórias de super-heróis em quadrinhos, que existem desde o século passado, e filmes que conseguem tirar do trono os enredos de herói são em geral os de franquias ressuscitadas, como os supracitados.

Dessa forma, os vieses dos já bem conservadores executivos dos estúdios de cinema de Hollywood são apenas confirmados e, assim, fica muito mais fácil apostar no “boom” nostálgico trazido por um filme de Ghostbusters, que possui inspiração clara na série Stranger Things, da Netflix – que se passa justamente na década de 1980 e acaba assim atiçando também a veia da nostalgia.

Para o mercado, isso pode não ser um bom sinal, uma vez que esse tipo de tendência pode em breve encontrar seu esgotamento, mas, enquanto isso não ocorre, os fãs de franquias como Sonic irão apenas aproveitar o momento e torcer para que o ouriço tenha uma representação digna da sua estatura nos cinemas.

Matéria feita por nossos parceiros ;). Curtiu? O que você espera dessa “onda”? Comente aí!

Animatic do Team Sonic Racing Overdrive

Acaba de ser lançada a animatic da parte 1 do Team Sonic Racing Overdrive, onde você pode ver a comparação lado a lado de como é sair do esboço da animação para a versão final:

The Rock reage ao novo trailer do filme do Sonic

Um novo trailer do filme do Sonic foi mostrado pela Paramount, que inclui uma parte onde o Sonic pergunta se o The Rock já é presidente, e então Dwayne Johnson (também conhecido como The Rock), respondeu ao trailer dizendo:

“É tão louco como eu amava jogar Sonic no ensino médio. Muitas luas depois isso… A vida pode ser insanamente imprevisível e surreal as vezes.”

https://twitter.com/TheRock/status/1206115177675968513

Animação de fim de ano do Sonic

Mais uma animação do Sonic foi liberada. Desta vez no Chao Garden!

Mais plot do filme do Sonic revelada e estúdio responsável pelo redesign do Sonic fecha

Tivemos duas notícias referentes ao filme do Sonic durante esta madrugada.

Começando pelo estúdio de efeitos visuais que ajudou no redesign do Sonic do filme, ele foi fechado de repente às vésperas do Natal. A filial de Vancouver da MPC fechou as portas nesta Quarta sem aviso prévio. O estúdio também foi responsável pelo live action do Rei Leão.

Tyson Hesse, um dos principais responsáveis pelo redesign do Sonic, agradeceu ao estúdio quando o design foi revelado em Novembro:

Com o fechamento do estúdio, relatos de agora ex-funcionários que não quiseram se identificar começaram a aparecer sobre horas extras em condições ilegais. Tais relatos já foram excluídos, mas mesmo assim não é possível verificar a legitimidade de tais relatos, portanto trataremos como rumor, mas acredita-se que o envolvido com a entrevista que foi deletada recentemente por ameaça de ação legal por parte da Paramount seja um dos afetados pelo fechamento do estúdio.

Fonte: TSSZ News


Partindo para mais detalhes sobre o que poderá acontecer no filme do Sonic, de acordo com um registro de copyright na U.S. Copyright Office, o Sonic poderá lutar contra mais um inimigo, além do Dr. Robotnik!

Tanto a SEGA quanto a Paramount constam como os autores neste pré registro. Tal registro foi criado em Julho de 2018 e está para ser completado este mês e para ser lançado em Fevereiro, o que condiz com as datas do filme do Sonic:

“Sonic the hedgehog, um ouriço azul alienígena super rápido se aliará a um policial de uma cidade pequena para enfrentar as forças do mal, incluindo um cientista maluco que deseja dominar o mundo e um lagarto guerreiro que quer roubar os poderes do Sonic para conquistar o universo. Estrelando Jim Carrey, James Marsden e Ben Schwartz, e dirigido por Jeff Fowler.”

Nenhum lagarto ainda foi revelado nos trailers ou qualquer outra fonte oficial, mas isso bate com o que o Sonic fala no começo do trailer, que pessoas no mundo dele querem roubar seu poder.

Como sempre, nada foi confirmado ainda, então trataremos como rumor.

Fonte: TSSZ News

Atualização da Semana

Este é o cartucho-livro do Tails and the Music Maker

E se aproxima o fim de ano, passou rápido, não? E como estão suas expectativas quanto ao filme do Sonic? Com o novo design finalmente temos o Sonic no filme do Sonic :v. Fiquem de olho, pois daqui até fevereiro estaremos trazendo todas as notícias sobre o filme do Sonic. E vamos aos updates de hoje, antes que eu me esqueça.

Games
* Atualizado o review do Sonic Forces (novas concept arts)
* Atualizado o review de Sonic 3 e Sonic 3 & Knuckles (observação sobre a IceCap)
* Adicionada mais uma versão do manual do game Sonic & Knuckles Collection de PC
* Tem fotos novas de bugs dos jogos do Sonic, em Sonic 3 & Knuckles/Knuckles e Sonic 2006
Confira em: Resumos/Guias dos Jogos do Sonic, Bugs dos Jogos do Sonic e Manuais dos Jogos do Sonic

Stuff
* Adicionada uma nova foto do Sonic nas Ruas do Brasil, em Belém do Pará (colaboração do Yoz)
* Adicionada uma foto da coleção do Sonic do nosso amigo e designer do set gráfico do facebook da Power Sonic, AnderSonic
* Temos digitalizado o raro cartucho do Tails and Music Maker (hoje eu consegui trazer só o cartucho/capa, em breve vou digitalizar ele inteiro)
Confira em: Sonic nas Ruas, Sonic e Você e Scans do Sonic

True Area 99
* Adicionada a ficha do game Sonic Extreme (já ouviu falar? Não é o XTreme. Ainda não trouxemos os recentes protótipos revelados)
Confira em: Protótipos dos Jogos do Sonic

Dr. Robotnik e Gugu no Play Game (Anos 90) – Vídeo raro

  Recentemente o Brasil acompanhou em choque a morte precoce do apresentador Gugu Liberato, que marcou o público brasileiro com seus programas dos anos 90 e 2000 na TV (além de continuar na ativa, embora não muito mais badalado como antigamente). Um dos programas apresentados pelo Gugu nos anos 90 era o Video Game na TV. E o nosso amigo do Facebook Rafael Yoshikage achou um vídeo sensacional do Gugu interagindo com o Dr. Robotnik! Veja aos 5:03 do vídeo. Mais tarde no vídeo mostra o Sonic 2.

Recados Finais

Por hoje é só. Agradeço as colaborações enviadas via e-mail (se você mandou algo e ainda não foi colocado, não se preocupe, pois estou colocando as coisas em dia aos poucos). E por hoje é… só!

 

Estande do filme do Sonic na CCXP 2019

A CCXP 2019 já começou e o estande do Sonic está bombando com as atrações do Sonic. Confiram algumas imagens e vídeos feito pela galera que está por lá:

Temos também vários novos posters do filme do Sonic feito por vários artistas:

Ainda tem o combo do Sonic da Cinemark e uma nova render do filme que foi revelada:

A atração de realidade aumentada que muitos estavam curiosos a respeito:

 

Estande do filme do Sonic estará na CCXP 2019!

A Paramount Brasil levará um estande do filme do Sonic para a CCXP que acontecerá em São Paulo entre os dias 5 e 8 de Dezembro:

O estande contará com uma enorme imersão no tema do filme e com direito a desafios para saber quem chega mais perto de ter os superpoderes do ouriço azul mais rápido do mundo. Lá você encontrará:

Circuito do Sonic

Corra por um circuito o mais rápido que puder, enquanto desvia dos obstáculos e depois mergulhe em uma piscina de bolinhas para encontrar a bolinha premiada. Aquele que for mais rápido levará um prêmio!

Corra com o Sonic

Corra por uma esteira ao lado do Sonic para ver o quão rápido você consegue ir.

Desafio das Argolas

Hora de mostrar toda a sua perícia em uma disputa com bambolês para ver quem consegue dominar os anéis gigantes tão bem quanto o Sonic. Tudo isso em um palco bem no centro do estande.

Sonic Realidade Aumentada

Uma argola de quase 3 metros de diâmetro simulará a magia do teletransporte dentro da CCXP. Faça aquela pose ao lado da argola e prepare o celular para tirar aquela selfie quando o Sonic sair do portal bem ao seu lado.

Artists Wall

Uma exposição com recriações do poster do filme do Sonic feitas por 17 artistas de todo o mundo, entre eles os brasileiros: Hiro Kawahara, Jairo Dutra, João Souza, Eduardo Vieira e Walber Santos. Uma versão limitada do poster do filme será distribuída para quem estiver lá.

Barbearia do Sonic

Para aqueles mais ousados ou fanáticos pelo Sonic, poderão deixar isso claro com um corte de cabelo feito por Ariel, o Rei do Blindado, barbeiro que ganhou fama ao criar penteados inovadores.

Fonte: Animexis